Polícia Civil prende suspeito de matar travesti a facadas em Mossoró, RN

Crime aconteceu no dia 29 de novembro após uma briga em frente a motel.
Na ocasião, um segundo travesti também foi esfaqueado, mas sobreviveu.


A Polícia Civil do Rio Grande do Norte prendeu na tarde desta segunda-feira (5) um homem de 25 anos suspeito de ter esfaqueado dois travestis durante uma briga em frente a um motel na cidade de Mossoró, na região Oeste potiguar. O crime aconteceu na madrugada de 29 de novembro do ano passado. Na ocasião, morreu Antônio Silvestre de Freitas Silva, socialmente conhecido por Patrícia.

Já Francisco Neyton de Sousa Demétrio, popularmente chamado de Natália, foi socorrido ao hospital e sobreviveu à violência.

Segundo a delegada Liana Aragão, titular da Delegacia Especializada em Homicídios de Mossoró, a equipe da Dehom chegou a fazer buscas pelo suspeito nos estados da Paraíba e Ceará. “Contudo, no início da tarde desta segunda, recebemos a informação de que o suspeito estaria aqui mesmo, em Mossoró, na residência de um familiar.

Nos dirigimos ao local e o encontramos. Ele ainda tentou fugir, mas os policiais fizeram um cerco e conseguiram prendê-lo”, relatou.Ainda de acordo com a delegada, o suspeito chama-se Francisco Maxsuell Gomes Borges. "Ele admite o crime. Disse que houve uma discussão e que foi agredido por um dos travestis. Então ele foi em casa, se armou com a faca, voltou e cometeu o crime. O Maxsuell, inclusive, é foragido do Complexo Penal Agrícola Doutor Mário Negócio, aqui mesmo em Mossoró. Agora ele será encaminhado à penitenciária, onde permanecerá à disposição da Justiça”, acrescentou Liana.

Fonte: Inter Tv
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.