Suspeito de matar confeiteira com 30 facadas no MT é preso em Jaçanã, RN

Policiais Civis cumpriram mandado de prisão na manhã desta terça (13).
Segundo investigação, preso cometeu crime ano passado em Rondonópolis.


 Policiais civis do Rio Grande do Norte prenderam na manhã desta terça-feira (13), na cidade de Jaçanã, a pouco mais de 140 quilômetros de Natal, um homem identificado como Juraci Carolino Sobrinho, de 42 anos, suspeito de ter assassinado a confeiteira Rosilene da Silva Sousa, 32 anos. Ex-mulher do suspeito, Rosilene foi morta com 30 facadas, crime ocorrido no dia 7 de julho do ano passado na cidade de Rondonópolis, no Mato Grosso.

Segundo a assessoria de comunicação da Polícia Civil potiguar, a prisão aconteceu em cumprimento a uma ordem judicial expedida pelo juiz Carlos José Rondon Luis, da comarca de Rondonópolis. “O suspeito possui familiares na cidade de Jaçana, e estava vivendo num sítio de uma irmã. Ele não ofereceu resistência no momento da prisão”, acrescentou.

Ainda de acordo com a polícia, Juraci estava foragido desde a época do homicídio. “Rosilene trabalhava como confeiteira em um supermercado. Ela estava separada do marido há dois meses, e deixou três filhos”, afirmou a assessoria.

As investigações apontam que a confeiteira estava em casa quando o ex-marido entrou na residência para buscar pertences, tendo iniciado uma discussão com a vítima. “A filha mais velha do casal teria encontrado a mãe desacordada e pedido socorro. A vítima ainda chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital”, revela a polícia.

Fonte: G1
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.