Presidente da Anaspra convida profissionais da segurança para homenagem

O presidente da Associação Nacional de Praças, Elisandro Lotin, ConVida Entidades representativas e Trabalhadores Participar de uma homenagem AOS Profissionais Mortos em decorrência da Profissão.

Presidente da Anaspra ConVida Profissionais da Segurança Pará homenagem

O presidente da Associação Nacional de Praças (Anaspra), cabo Elisandro Lotin de Souza, convida especialmente todas as entidades representativas de praças do Brasil, além dos demais trabalhadores da segurança pública, para participar da homenagem à esses profissionais mortos em decorrência da profissão. O evento será realizado no dia 25 de fevereiro, no Hall da Taquigrafia da Câmara dos Deputados, a partir das 10 horas.

A partir da iniciativa da direção da Anaspra, outras entidades de representação nacional dos profissionais da segurança pública estão apoiando a homenagem e vão levar representações ao ato público.

"O evento do dia 25 não é uma greve ou um movimento de paralisação, mas um ato de homenagem aos trabalhadores da segurança pública que morreram em defesa da sociedade. Estamos tomando essa iniciativa porque, infelizmente, os governos estaduais e federal, assim como boa parte da sociedade, tem ignorado essa triste realidade", explica Lotin.

Diversas entidades estaduais de representação dos policiais e bombeiros militares, que participam da Anaspra, já confirmaram participação. Caravanas de ônibus vão se deslocar até Brasília para acompanhar a homenagem. O ato público vai contar com a apresentação de um vídeo sobre o assunto, com imagens e depoimentos de diversos locais do país.

Para os policiais e bombeiros que não puderem enviar representação à Brasília, a Anaspra sugere uma ação coletiva para o dia 25 de fevereiro: acionar a sirene das viaturas, às 15 horas, durante um minuto.

O objetivo da ação é fazer uma homenagem aos policiais e bombeiros militares e ainda cobrar das autoridades respeito e reconhecimento aos trabalhadores da segurança pública. "Queremos deixar bem claro, não é greve ou paralisação, muito menos uma atividade político-partidária, contra um governo ou outro, mas uma homenagem aos profissionais de segurança pública. Qualquer discurso ou convocação fora desses objetivos não tem o aval da organização do ato [Anaspra e mandato deputado Subtenente Gonzaga]", ressaltou o cabo Lotin.

Fonte: ANASPRA

NOTA DA ASSPRA: Pedimos a todos os policiais do RN que realizem este ato. Às 15h do dia 25 de fevereiro, parem a viatura em local visível tipo centro comercial da cidade, liguem os giroflex e acionem as sirenes durante um minuto. Se possível, estendam algum pano preto sobre o capô da viatura.
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.