Justiça condena motorista de van escolar por estuprar crianças de 5 anos, no RJ



O motorista de van escolar Carlos Inácio Coentro Portela, conhecido como Tio Carlos, foi condenado a 22 anos, 11 meses e dez dias de prisão por estuprar duas crianças de 5 anos. Portela, que é português, fazia o transporte escolar das vítimas. A setença, do último dia 24, é do juiz Alexandre Abrahão Teixeira, da 32ª Vara Criminal do Rio. Carlos Inácio está preso desde fevereiro do ano passado e não poderá recorrer em liberdade. Segundo denúncia do Ministério Público estadual, os abusos sexuais teriam acontecido no fim de 2013, e eram praticados no banco de trás do veículo escolar conduzido pelo acusado.

“(O acusado) praticou tais crimes se prevalecendo de sua posição de motorista de van escolar, onde tinha sob sua responsabilidade levar as crianças à escola. Aterrorizou as vítimas para então obrigar as vítimas a praticarem sexo oral nele e ele a abusar sexualmente delas. Valendo-se do mesmo modus operandi, manteve as vítimas no interior de seu veículo destinado a transporte escolar enquanto satisfazia sua lascívia”, afirmou Abrahão em sua sentença.


Fonte: Extra
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.