Peritos do ITEP encontraram calça e camisa no interior do carro de Máximo Augusto

Os peritos do Instituto Técnico e Cientifico de Polícia – ITEP, estão fazendo na manhã desta quarta-feira (06), buscas por evidências no carro do estudante Máximo Augusto, encontrado morto na zona rural da cidade de São Gonçalo do Amarante, no final da manhã do domingo (03). O veículo, um Pálio de cor branca, foi encontrado abandonado no Bairro de Candelária, em Natal, na manhã desta terça-feira.



A Perita Criminal, Lidyce Guerrae, disse ao Blog Sidney Silva, que inicialmente foi identificado um dano por colisão em objeto sólido que atingiu o capô do carro. “No interior foram encontradas porções de areia que provavelmente é do local onde o corpo foi encontrado e duas peças de roupa, sendo um calça jeans black e uma camisa de coloração avermelhada. Não podemos dizer que era da vítima, pois, não sabemos quais às roupas que ele vestia“, informou.

O trabalho desta quarta-feira terá o objetivo de encontrar material biológico para fazer exames de DNA, que identifique os autores ou autor do crime, além de digitais.

“Na primeira avaliação feita no carro não foram encontradas manchas de sangue, pelo menos visíveis, elas não estão. Precisamos ver agora se será necessário o uso do luminol. Somente com o aval do delegado da Polícia Civil, que conduz o caso é que poderemos fazer“, disse.


Fonte: Sidney Silva
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.