Suspeito de atirar em delegado da Paraíba é preso no litoral potiguar

Ivamar Paiva Barreto foi preso na madrugada desta sexta na praia de Muriú.
Leonardo Machado foi baleado numa fila de supermercado em Uiraúna.


Foi preso nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (10), em uma praia no litoral Norte potiguar, o suspeito de ter atirado no delegado Leonardo Machado, crime ocorrido em junho deste ano na cidade de Uiraúna, no Sertão paraibano. A operação que prendeu o comerciante Ivamar Paiva Barreto foi realizada por agentes da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor) do Rio Grande do Norte com apoio de policiais civis da Paraíba.

De acordo com a delegada Sheila Freitas, o suspeito foi preso na praia de Muriú, que fica a pouco mais de 40 quilômetros de Natal. Em junho deste ano, policiais dos dois estados já haviam tentado encontrar e prender o Ivamar. A operação aconteceu na cidade de Pilões, na região Oeste do Rio Grande do Norte. Na ocasião, o comerciante conseguiu escapar.

Crime banal
O delegado Leonardo Machado, de 37 anos, foi baleado em uma praça e, de acordo com a Polícia Civil, o crime teria sido motivado por uma discussão por causa de uma fila de supermercado.
Segundo as investigações, a vítima discutiu com outro homem e, quando saiu do estabelecimento, foi atingido por dois tiros, no abdômen e na cabeça. Um segundo homem teria ajudado na fuga. O estado de saúde do delegado ainda é considerado grave.

O delegado-geral da Paraíba, João Alves, analisa que a motivação do crime foi banal. "Uma discussão entre o delegado e a pessoa que o atingiu, segundo informações do dono da loja, por causa da fila: um passou na frente do outro", diz. João Alves conta que o suspeito saiu da loja, o delegado ficou na fila e quando saiu para encontrar a mulher e os filhos, o homem efetuou dois disparos contra ele.


Fonte: G1RN
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.