PB: PM fica em estado grave ao colidir com carro e bater a cabeça durante perseguição

Policial perseguia motociclista que teria 'furado' blitz


O cabo Ronaldo, de 41 anos, da Ronda Ostensiva Tática com Apoio de Motocicletas do 5º Batalhão da Polícia Militar, ficou em estado grave, de acordo com profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, após bater em um Chevrolet Celta durante uma perseguição no bairro do Geisel, Zona Sul de João Pessoa, na noite desta sexta-feira (28). Ele foi arremessado por alguns metros e bateu a cabeça ao cair.

Segundo a PM, o oficial perseguia, de moto, outro motociclista que teria tentado ‘furar’ um bloqueio policial. No trajeto, acabou batendo no carro, conduzido por uma mulher que socorria o pai com urgência, pois ele estaria sofrendo um acidente vascular cerebral (AVC).

De acordo com testemunhas, o homem que passava mal foi levado por ocupantes de outro veículo. O policial ferido foi conduzido por uma unidade de suporte avançado do Samu para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena. A instituição de saúde não divulgou o quadro clínico dele até as o fim da noite desta sexta-feira.


Fonte: catolenews


Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.