Mãe de garoto morto ao defendê-la de assalto morre em acidente de carro

Uma mulher morreu após o veículo que dirigia colidir com duas árvores no bairro Cambeba, na tarde dessa quarta-feira (23/12).
A vítima é Dulcinéia Tertuliano Apolônio, 49, mãe do adolescente de 16 anos Diego Tertuliano, morto ao tentar defendê-la durante um assalto no bairro Messejana em março deste ano.

Francisco Ferreira da Cruz, namorado da madrinha de Diego, contou que o que se sabe até agora é que Dulcinéia estava sozinha no momento do acidente e não usava cinto de segurança.

De acordo com Francisco, o corpo da mãe de Diego está no Instituto Médico Legal (IML), e ainda não há informações sobre onde serão o velório e o enterro.

Assalto

O caso ocorreu no dia 29 de março de 2015 e ganhou repercussão na mídia local. Diego e a mãe estavam saindo da residência para fazer compras em um mercantil, segundo contou à época a madrinha do adolescente, Adelaide Cavalcante, quando Dulcinéia foi abordada por um homem armado.

O garoto fechava o portão da casa no momento da ação. Com o susto, a mãe gritou, e o adolescente reagiu, entrando em luta corporal com o assaltante.

Diego foi atingido com três tiros, um deles na testa. O garoto ainda foi socorrido para o Instituto Doutor José Frota (IJF), chegou a passar por cirurgia e ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não resistiu.

Ainda segundo informações de Francisco, a mãe de Diego ainda não havia se recuperado da tragédia e estaria em depressão.
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.