Mulher é presa em cadeia de NOVA CRUZ com carne e maçã recheadas com droga

Prisão aconteceu neste domingo (10), durante visita na Cadeia de Nova Cruz.
Papelotes de maconha seriam entregues ao marido, preso por receptação.

Uma mulher de 21 anos foi presa em flagrante neste domingo (10) tentando entregar drogas ao marido, que responde pelo crime de receptação na Cadeia Pública de Nova Cruz, cidade da região Agreste do estado. Com ela, foram encontrados quatro papelotes de maconha – três escondidos em um pedaço de carne assada e um dentro de uma maçã.
Três papelotes de maconha foram escondidos em um pedaço de carne assada e um dentro de uma maçã (Foto: G1/RN)
“Revistamos tudo que entra na cadeia. Usamos vários equipamentos, como esteira de raio-x, detectores de metal, raquetes e bancada. E também não abrimos mão da inspeção manual. E foi nessa revista que encontramos o entorpecente”, ressaltou o agente penitenciário Felipe Bruno, diretor da unidade.

Após a descoberta, a mulher recebeu voz de prisão e foi levada para a delegacia de polícia da cidade.
Ainda de acordo com o diretor, esta foi a primeira vez que uma visitante foi presa tentando entrar com drogas desde que a cadeia foi inaugurada, em 2010. “Há uns 15 dias, outra visitante foi levada para a delegacia porque tentou entrar com um aparelho celular dentro de uma caixa de sabão em pó, mas não ficou detida”, explicou.

Criatividade
No Rio Grande do Norte, agentes penitenciários já encontraram drogas, telefones e assessórios para aparelhos celulares escondidos nos lugares mais inusitados. Muitos dos casos foram noticiados pelo G1. Há registros de entorpecentes escondidos dentro de pacotes de biscoito,  bisnagas de pomada para coceira, cascas de ovos, colchões, bíblias, bananas, sandálias de borracha, tubos de pasta de dente, prendedores de cabelo, vasilhas de arroz, bolachas e até dentro de aparelhos de televisão, sem falar em inúmeros casos nos quais mulheres foram presas ao tentarem entrar com objetos proibidos escondidos nas partes íntimas.


Fonte: G1RN
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.