Pernambucano foragido da Justiça é preso com dois comparsas suspeitos de ataques à bancos

Ceará ¬ A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio de policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), recapturou um foragido da Justiça cearense e prendeu outros dois homens. O trio, interceptado no bairro Bom Jardim – Área Integrada de Segurança 2 (AIS 2), foi flagrado com maconha. As investigações apontam que os homens pretendia roubar uma instituição financeira do Ceará.
A ação policial, ocorrida na terça-feira (02), recapturou o pernambucano Roberto Manoel da Silva (41), conhecido como “Paulista”, que responde a dois procedimentos policiais por roubo, além de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Ele é foragido da cadeia pública de Solonópoles, onde estava encarcerado após ter sido preso em junho de 2015 por equipes das especializadas DRF e Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD).

Desta vez, “Paulista” foi flagrado com o mato-grossense Erick Luis Pinto de Andrade (27), que não possuía antecedentes criminais no Ceará, e o cearense Paulo Roberto da Silva Mendes (31), conhecido como “Paulim”, que responde a quatro procedimentos policiais por roubo qualificado e a dois por tentativa de homicídio, além de homicídio e tráfico de drogas. O trio foi interceptado em um carro Honda Civic, de cor preta e placas HYP-6531, na Rua Ari Maia, com maconha, uma balança de precisão, um par de algemas e celulares.

De acordo com delegado Raphael Vilarinho, titular da DRF, as investigações apontaram que os homens estavam em território cearense com o intuito de cometerem assaltos a instituições financeiras e negociação de drogas. As investigações sobre os supeitos continuam. Todos foram encaminhados à DRF e autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Histórico criminoso

“Paulista” já cumpriu oito anos de prisão por tráfico no Ceará e era investigado pela Polícia como sendo o chefe de uma associação criminosa que atua em roubo a bancos e no tráfico de drogas nos Estados do Ceará, Pernambuco e São Paulo. Ele e seu bando são os responsáveis pelo roubo ao Bradesco da cidade de Solonópoles, na AIS 15, ocorrido em junho do ano passado.



Fonte: cearaagora
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.