Mulher de traficante catarinense é presa ao tentar sair com bilhete de Penitenciária Federal no RN

No final da tarde da última quarta-feira,4, uma mulher identificada como Daiane Cristina da Mota, 29 anos, foi presa em flagrante dentro da Penitenciária Federal de Mossoró, após ter recebido um bilhete do seu marido, Roberto Tavares Onofre, o “Betinho da Favela”, um dos líderes do Primeiro Grupo Catarinense (PGC), responsável pelo tráfico de drogas em Santa Catarina.

O traficante cumpre pena no sistema carcerário federal potiguar de segurança máxima e durante a visita social, Daiana Cristina foi flagrada pelas câmeras do circuito de segurança, recebendo uma minúscula correspondência, que foi entregue por uma fresta que separa o vidro de contenção que fica entre a visita e o preso.
 Daiana Cristina, presa pela segunda vez em Mossoró

Segundo informações repassadas pela direção prisional federal, Daiana Cristina teria ido a Penitenciária visitar seu companheiro e foi flagrada pelas câmeras de monitoramento, recebendo o bilhete recebido por uma pequena abertura deixada pelo fio do comunicador.

“Observamos nas imagens de segurança, que a mulher teria recebido o bilhete e quando ela deixava a sala de visitas, foi-lhe dada voz de prisão”, explicou um dos agentes do sistema prisional.

Após a prisão, Daiana Cristina foi encaminhada ao Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep), para realização de exames e em seguida, encarcerada no Presídio Feminino de Mossoró, que fica nas dependências do Complexo Penal Estadual Agrícola Mário Negócio (CPEAMN).

Reincidência

Esta é a segunda vez que Daiana Cristina é presa em Mossoró. Em junho de 2013, ela foi detida por força de um mandado de prisão expedido pela Justiça de Santa Catariana, decretado por condenação de três anos e nove meses de prisão, por associação ao tráfico de drogas, em São José, na Grande Florianópolis.

Já “Betinho da Favela”, é um dos 37 líderes da facção PGC, transferidos em fevereiro de 2013, ao presídio federal de Mossoró por envolvimento com a onda de atentados em Santa Catarina.



Fonte: omossoroense
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.