Associações sugerem a Governo formação de comitê integrado para combater crimes contra policiais

Nesta terça-feira (3), as associações da polícia e dos bombeiros militares formalizaram requerimento, entregue a representantes do Governo, com propostas para o combate aos crimes, em especial homicídio, registrados contra agentes de Segurança Pública.

Assinado por seis entidades representativas, o documento lembra que, só em 2017, foram 17 mortes, e diversos atentados e, em 2018, já se registram cinco perdas. 

Para os militares, é preciso formar um integrado de forças policiais nos âmbitos municipal, estadual e federal, com participação de todos os órgãos participantes do sistema de segurança, incluindo o Ministério Público e o Judiciário.

O enfrentamento à violência contra policiais e bombeiros é uma das prioridades das associações.

Assessoria de Comunicação das Associações de Praças do RN




0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.