MP entra com habeas corpus coletiva em favor de policiais e bombeiros

O Ministério Público do Rio Grande do Norte ingressou, na quinta-feira (04) à noite, com habeas corpus coletivo na Justiça em favor de policiais e bombeiros militares do Estado. 

De acordo com o promotor Wendell Bethoven, responsável pelo caso, os agentes de Segurança sofrem atualmente constrangimento ilegal em razão de atos inconstitucionais contra eles praticados. 

Ele cita ainda textualmente a Secretária de Segurança Pública, Sheila Freitas, e o Comandante-Geral do PM, Osmar Maciel, que, ainda de acordo com o promotor, devem justificativas das medidas tomadas.

As informações foram divulgadas pelo blog Rubens Lemos.

A Operação Segurança com Segurança foi lançada pelos militares no final de dezembro. Com salários atrasados e precaríssimas condições de trabalho, policiais e bombeiros agora só devem trabalhar em conformidade com as condições oferecidas pelo Governo.

A crise da Segurança Pública no RN é destaque nacional em todos os grandes veículos de comunicação do País. As últimas reuniões com o Governo resultaram infrutíferas.

Assessoria de Comunicação das Associações de Praças






Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.