Polícia registra seis mortes em menos de 24 horas na Grande Natal...

Seis pessoas foram mortas em menos de 24 horas na Grande Natal. O primeiro foi Jonathan Cardoso de Lima, 17 anos, encontrado morto na estrada carroçável da comunidade do Guarapes, em Macaíba. Conhecido como "Raposinha", ele residia na rua João Hélio Alves da Rocha, no Planalto. O corpo foi encontrado às 7h30 de ontem, próximo à sede água mineral Blanca. De acordo com a Polícia, havia marcas de onze tiros no corpo do adolescente e cápsulas de calibre .40 foram encontradas próximo ao cadáver.

Foi morto também na noite de ontem, um outro adolescente, também de 17 anos, no loteamento Jardim Progresso, na Zona Norte. De acordo com policiais da Delegacia de Plantão da região, o crime aconteceu por volta das 23h na avenida Senador Carlos Alberto. Segundo agente de plantão, o crime que matou, com tiros de 380, um menor com passagem pela polícia não teve testemunhas e será investigado pela 9ª Delegacia de Polícia, localizada no conjunto Panatis.
Além desses dois homicídios, foram registrados entre o domingo (20) e hoje, na Delegacia de Plantão da Zona Sul: a morte de Marcos Matias da Silva, soldado morto à tiros em Macaíba; o atropelamento que matou Maria das Graças da Silva na rua Mário Negócio, em Parnamirim.

No início da tarde de ontem, registrou-se, tanto na Delegacia de Plantão quanto no Itep, o encontro de cadáver não identificado na praia Barra de Tabatinga. O corpo foi encontrado no fim da manhã de ontem e o corpo da vítima que morreu por afogamento foi recolhido por volta das 12h30.

José Alves da Silva, 56 anos, também morreu em acidente de trânsito, saindo de Ceará-Mirim pela BR-403, quando após desviar de uma moto, colidiu com um Gol, com quatro passageiros, que dirigia no sentido contrário.

Foram registrados também no Plantão da Zona Sul o caso de André Galdino da Silva Pereira, que ateou fogo na casa de sua mãe, em Parnamirim; a prisão de Manoel de Souza Neto em São José de Mipibu por agredir a esposa; e o registro de Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO) contra Antônio Teófilo do Nascimento, 44 anos, serralheiro residente em Mãe Luíza por ato obsceno contra duas crianças na Praia do Meio.


Fonte: Tribuna do Norte

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.