SOLDADO LIRA PARABENIZA OS PROMOVIDOS

“Isso não tem preço” disse Lira sobre a gratidão dos companheiros



O Soldado Lira, presidente da ASSPRA, afirmou que é difícil descrever a alegria que sente diante do atual quadro de efetivação de promoções das praças da PM e CBM.

“Quando entrei na PMRN, em 2004, não havia perspectiva de promoção. Eu vi diversos policiais, após 30 anos de serviço, alguns até condecorados com medalhas, irem para a reserva SOLDADOS. Comecei a pensar que embora tivesse honra de ser policial militar, não queria ficar na corporação. Precisava de uma carreira melhor, para o meu bem e de minha família” desabafou o dirigente.

Segundo ele, hoje, com a Lei de Promoção de Praças sendo efetivada, os policiais tornam a ter a opção de manterem-se na instituição.

“De ontem para hoje, recebemos diversas ligações de companheiros promovidos. Os quais nos ligaram para parabenizar por nossa luta e participação na efetivação da LPP, bem como para agradecer por termos nos mantido firmes e auxiliá-los em suas promoções. Isso não tem preço. Parabéns a todos os heróis promovidos!” encerrou Lira, que segundo o cronograma de promoções, deverá ser promovido no próximo mês de abril.

Fonte: ASSCOM ASSPRA

ASSPRA EXPÕE REALIDADE DO AGRESTE E TRAIRÍ AO NOVO COMANDANTE DA PMRN


No último dia 25, em reunião das Associações de Praças com o novo Comandante Geral da PMRN, o Cel. Dancleiton Pereira Leite, o presidente da ASSPRA, Soldado Lira, expôs a realidade vivenciada pelas praças do Agreste e Trairí de nosso Estado.

“Fiz questão de expor ao novo Comandante diversas situações trazidas por nossos associados da ASSPRA. Situações para as quais se faz necessária a sua intervenção a fim de propiciar solução aos problemas verificados” afirmou Lira.

Dentre os assuntos apresentados por Lira ao Comandante Geral, estão:

1. CONDIÇÕES DE TRABALHO NA CADEIA PÚBLICA DE NOVA CRUZ/RN

Lira: “Informei sobre as recentes fugas e rebeliões, das atuais condições das guaritas e dos quartos-de-hora praticados de 3h de folga por 3h de serviço, o que fere o RISG, defendendo ainda a retirada dos PMs das guaritas o que caracteriza desvio de função do efetivo”.

O Comandante concordou que estes quartos-de-hora são absurdos, que guarita não é lugar de PM e que buscará soluções ao caso.


2. VALES-ALIMENTAÇÃO

Lira: “Cientifiquei o Comandante que em nossa região, atualmente, apenas a sede do 8° BPM recebe vales-alimentação. Ainda, que em algumas Companhias da área, a exemplo de Canguaretama, chega a faltar alimentação ao efetivo de serviço, obrigando os policiais a “desenrolarem” a alimentação. Por fim, apresentei a realidade das cidades onde a Prefeitura é quem “banca” a alimentação do efetivo, relatando alguns casos como os de Serrinha, Pedro Velho e Lagoa D’antas, onde após “desagradar” os gestores municipais a alimentação do efetivo foi cortada, deixando o efetivo de serviço sem ter o que comer”.

O Cel. Dancleiton demonstrou preocupação com o caso e informou que já solicitou a DAL um projeto para a expansão dos vales ao interior.

3.  MANUTENÇÃO DE VIATURAS

Lira: “Apresentamos ao Comandante a necessidade de que seja viabilizada a manutenção das viaturas, relatando alguns casos que nos foram informados por sócios de ocasiões onde nossos policiais têm que concertar as viaturas com recursos próprios, ou se sujeitar a troca de favores com políticos ou comerciantes locais”.

Segundo o Comandante, ele já está ciente destes casos e buscará medidas para sanar o problema.


4.  DESCENTRALIZAÇÃO DOS POSTOS DE ABASTECIMENTO

Lira: “Solicitei ao Comandante neste problema. Embora a solução esteja sediada a nível de Governo, a atuação do Comando pode auxiliar na solução deste problema. É absurdo uma viatura se deslocar quase 150km (ida e volta) para abastecer 25 litros de combustível. Há um desgaste humano e veicular desnecessário, além de que não fica quase nada de combustível ao fim do trajeto. O que resulta na necessidade de reabastecimento diário, além de deixar a população desguarnecida por horas”.

Para o Comandante este cenário tem que mudar e prontificou-se a buscar solução nas esferas de governo.

Segundo o dirigente, outros problemas pontuais foram abordados a fim de propiciar um melhor diagnóstico da situação vivenciadas pelas praças da PMRN no Agreste e Trairí.

“Acredito na força do diálogo. O Cel. Dancleiton reafirmou a pretensão manter um diálogo aberto com as entidades, dentre elas a ASSPRA. Ele tem acompanhado nossa luta e sabe que ninguém melhor que uma Associação de Praças pode apresentar um raio-X das condições de trabalho vividas por nosso efetivo” encerrou Lira.



Fonte: ASSCOM ASSPRA

APÓS PROMOÇÕES, ASSOCIAÇÕES COBRAM MELHORIAS AOS COMANDOS DA PM E CBM DO RN

"Os anseios da categoria vão além das promoções" disse Lira, presidente da ASSPRA.


Indiscutivelmente, as recentes promoções dos policiais e bombeiros militares têm trazido um novo ânimo para a categoria. Entretanto, para a ASSPRA as necessidades do efetivo não se restringem às promoções. Segundo o Soldado Lira, presidente da ASSPRA "os anseios da categoria vão além das promoções".

Após a Assembleia Geral Unificada (AGU) do último dia 25, a qual culminou com a efetivação de mais uma etapa das promoções dos militares estaduais, a ASSPRA e demais entidades representativas de praças da PM e CBM estiveram reunidas com os Comandantes Gerais das corporações, afim de apresentar uma pauta de reivindicações da categoria.



O Soldado Lira, presidente da ASSPRA, manifestou sua opinião: “Parabenizo aos Comandos da PM e CBM pela promoção de nossos praças. Contudo, não podemos esquecer que há a necessidade de um novo olhar sobre a Segurança Pública, o qual busque possibilitar aos policiais e bombeiros militares melhores condições de trabalho e de prestação de serviços à sociedade”.

Segundo o dirigente, as entidades protocolaram e entregaram cópias de um ofício com demandas relevantes da categoria aos Comandantes, como: próximas promoções; pagamento dos níveis atrasados; implantação do pagamento dos promovidos em 2012, 2013 e 2014; pagamento do retroativo dos promovidos em agosto de 2015; pagamento das diárias operacionais em atraso, bem como a atualização da lei e dos valores das diárias; retirada dos PMs das guardas-de-presos; reforma de postos de trabalho; necessidade de manutenção nas viaturas; encaminhamento à Assembleia Legislativa do RN da LOB, Estatuto e Código de Ética dos militares estaduais, dentre outras.



Fonte: ASSCOM ASSPRA

PROMOÇÕES DE PRAÇAS SÃO PUBLICADAS EM BOLETIM GERAL DA PM E BOMBEIROS

Promoções dos praças são publicadas no Boletim Geral da PM

As promoções dos policiais militares relativas a 25 de dezembro de 2015, às quais tiveram portarias assinadas na manhã desta segunda na Assembléia Geral da categoria no Clube Tiradentes, foram publicadas no início desta noite no Boletim Geral 015 da PMRN.  Ao todo foram 1.039 policiais militares agraciados dos quais 830 ascenderam à graduação de Cabo.

O Soldado Lira, presidente da ASSPRA, parabenizou todas as praças promovidas e fez questão de lembrar que sem lutas, não há vitórias, referindo-se à necessidade de que a categoria se mantenha atenta e mobilizada não só ao que tange às promoções, mas tudo aquilo que se correlaciona às condições de trabalho, dignidade e valorização da categoria.

"Já conseguimos efetivar as promoções de abril, agosto e dezembro de 2015, restam ainda, as de abril e agosto de 2016, além das demais que a estas sucederão. É preciso que este momento histórico vivido por nossa categoria se perpetue, fazendo justiça a estes guerreiros que diuturnamente labutam pelo povo potiguar, lhes oferecendo o suor e até mesmo o sangue” afirmou Lira.


SEGUEM LINKS COM PUBLICAÇÃO DOS BGS E NOMES DOS PROMOVIDOS:

POLÍCIA MILITAR:

CORPO DE BOMBEIROS:


Fonte: ASSCOM ASSPRA


PRAÇAS DO AGRESTE MARCAM PRESENÇA NA LUTA POR PROMOÇÕES NA PMRN E CBMRN


A participação de praças da PMRN residentes ou lotados no interior do Estado têm sido algo marcante nas recentes movimentações reivindicatórias de direitos da categoria. Especial destaque tem sido a presença de praças do Agreste e Trairí nos eventos da capital potiguar.


Segundo dados da ASSPRA em alguns recentes movimentos, foi contabilizada a presença de mais de 50 praças do agreste e trairí em um só evento. No último, do dia 25 de janeiro, cerca de 30 praças da região estiveram presentes.

Esse aumento quantitativo de nossos praças do Agreste e Trairí nos movimentos da categoria na capital do Estado, nos assinalam uma maior conscientização daqueles no processo de efetivação de seus direitos. Particularmente, já cheguei a vir para movimentos na capital sozinho. Hoje, comumente encontro policiais de Nova Cruz, Canguaretama, Goianinha e Santa Cruz nos movimentos, o que nos motiva ainda mais em buscar representa-los cada vez melhor e em lutar por melhorias para nossa região. Uma categoria mobilizada e consciente pode transpor qualquer entrave, vimos isso nesses recentes processos de promoção” disse Lira, presidente da ASSPRA.




Confome informou Lira, essa demonstração de compromisso das praças da referida região é de fundamental importância, pois, por meio dela, ocorre a inibição de práticas abusivas ou possíveis desvios de finalidade na aplicação do efetivo local.


As praças do Agreste e Trairí estão de parabéns. Pelas suas promoções, e principalmente, pela participação nas lutas” encerrou o dirigente.


Fonte: ASSCOM ASSPRA


VITÓRIA DA ASSPRA: GUARITA DE PRESÍDIOS PASSARÃO PARA OS AGENTES PENITENCIÁRIOS


Foi publicado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (20) a Lei Complementar nº 566/2016, que institui o Estatuto da Carreira de Agente Penitenciário do Rio Grande do Norte, trazendo dentre as atribuições do Cargo, a guarda externa e interna dos estabelecimentos prisionais.

"Tenho certeza da contribuição que nossos estudos e pesquisas sobre o tema exerceram e auxiliaram neste avanço. Parabéns aos agentes, pois receberão de volta sua atribuição, reforçando sua categoria. E parabéns a nós PMs por termos desempenhado durante tanto tempo e sem as mínimas condições necessárias tal função, deixando-a agora nas mãos de quem de direito", disse o Soldado Lira, presidente da ASSPRA.

O dirigente da ASSPRA se refere ao trabalho realizado junto a Comissão Legislativa da PM e CBM, a qual visa a atualização e regulamentação da Polícia e Bombeiros Militares. Junto àquela Comissão, Lira apresentou um estudo que realizou sobre a atuação das PMs nas guaritas de presídios, alegando que “NÃO É FUNÇÃO NOSSA (da PM) tomar conta de presos”.

Relembre a matéria:

ASSPRA DEFENDE RETIRADA DOS PMS DAS GUARITAS DOS PRESÍDIOS

Assessoria de Comunicação/ASSPRA


Veja também matéria postada pela companheira Glaucia Paiva:

GOVERNO INSTITUI ESTATUTO DA CARREIRA DE AGENTE PENITENCIÁRIO E VIGILÂNCIA EXTERNA PASSA A SER ATRIBUIÇÃO DO CARGO


NOTA AOS BOMBEIROS E POLICIAIS MILITARES

 

ASSPRA COBRA CONDIÇÕES DE TRABALHO NO AGRESTE PARA O CARNAVAL 2016


A ASSPRA expediu 13 ofícios, correlacionados ao Carnaval 2016, com destinação aos Cmdos responsáveis pelo policiamento na Região Agreste do RN. "Oficiamos do Comandante Geral aos Comandos das Companhias da área, além do Ministério Público. Nossa intenção não é o de atrapalhar a Administração. Mas, fazê-la funcionar como manda a Lei" afirmou o Soldado Lira, preside da ASSPRA.

Com tal medida de natureza preventiva, a entidade pretende evitar possíveis desvirtuamentos nas escalas de trabalho as quais o efetivo é submetido por ocasião do Carnaval.

Por meio desta medida a ASSPRA realiza uma espécie de fiscalização prévia das escalas de serviço, disponibilidade das Diária Operacionais (DOs) e condições de trabalho, como alimentação e alojamentos.

"Relembramos aqui a necessidade de que cada PM seja um fiscal do serviço. Caso ocorra alguma irregularidade nas escalas ou serviço, orientamos nossos sócios que retirem cópias das escalas e nos encaminhe para que adotemos as medidas necessárias, e caso precise, acionaremos nosso Jurídico" encerrou Lira.

ESCALA DE SERVIÇO É UM DOCUMENTO PÚBLICO.
A negativa do fornecimento da mesma incorre em crime.

#fiqueligado


ASSCOM ASSPRA

ASSPRA OFICIA COMANDOS SOBRE O CARNAVAL 2016




��Reduzir escala? Não Pode.
��Escalar de extra sem previsão de pagamento (se tem D.O. disponível)? Não pode.

Encaminhamos ofícios aos Comandos de nossa área, alguns ainda serão entregues.

Nos ofícios lembramos...

Reponde o Gestor público administrativa, civil e criminalmente por seus atos.

Atos de Improbidade administrativa que, por venturam, venham a ocorrer serão levados ao Judiciário.

"Nos antecipamos a fim de evitar posteriores problemas ao bom relacionamento com os Comandos locais. Preservar a harmonia entre Comando e Comandados é nosso ideal. A missão é comum a ambos e acredito que não teremos problemas. Mas, nosso Jurídico permanecerá de prontidão" explicou Lira.

ASSCOM ASSPRA

NOTA DA ASSPRA À CATEGORIA - 12 de Janeiro de 2016



Policiais e Bombeiros Militares estiveram reunidos em Assembleia


Primeiramente, gostaria de agradecer a todos os companheiros que se fizeram presentes na AGU realizada no dia de ontem (11), no Clube Tiradentes, a qual ficou lotada.

Especial agradecimento aos sócios e companheiros de Canguaretama, Santa Cruz e Nova Cruz que se fizeram presentes. Parabéns pela participação!




Na ocasião, após os esclarecimentos dos recentes fatos concernentes ao atraso de nossas promoções, fatos estes que envolvem um entrelaçar de decisões do TCE e do Governo, a categoria resolveu conceder ao Governo o que lhe fora solicitado: alguns DIAS a mais de espera.


Em síntese, aos que não ficaram a par da situação:

"O TCE emitiu uma decisão (Acórdão) na qual o Governo não pode aumentar seus gastos, e ainda, deve diminuí-los, 'sem exceções' diz o texto. Caso, o Governador descumpra a decisão poderá vir a se tornar inelegível.

Entendemos que nossas promoções NÃO ESTÃO sob o julgo da referida decisão, haja vista decorrerem de Lei, sendo esta uma das exceções trazidas no art. 22 da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Este é o entendimento das Associações, também adotado pelo Governo, o qual o apresentará sob forma de Embargos junto ao TCE".

"A categoria está MUITO INSATISFEITA com o atraso das promoções. Contudo, cremos que após julgamento dos Embargos - o que ocorrerá nos próximos a dias -, a decisão nos será favorável vindo a eliminar TODO e QUALQUER empecilho às promoções de Dezembro/2015 e às subsequentes, nos deixando em situação de conforto quanto a nosso direito. Descumprir o acordo com a categoria será excessivamente desgastante a figura do Governador." afirmou o Soldado Lira, Presidente da ASSPRA.


Diante do exposto, resolveu a categoria conceder mais este crédito ao Governo emitindo-lhe uma mensagem direta:

"Já estamos mobilizados e organizados. E aguardaremos a publicação das promoções até o dia 25".




Reitero aqui os agradecimentos a toda a categoria, a qual mais uma vez atendeu a nosso chamado, renovando assim seu voto de credibilidade no trabalho das Associações, dentre elas a ASSPRA.

Muito obrigado!

Lira, Sd PMRN
Presidente ASSPRA

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA AÇÕES: NÍVEIS, DESAGREGAÇÃO e PROMOÇÃO EX-OFFÍCIO

Segue relação de documentos necessários aos nossos associados para entrarem com ações contra o Estado do Rio Grande do Norte.

Resultado de imagem para promoção pmrn

ATENÇÃO:

Procedimentos a se adotar:

1.      Reunir os documentos referentes ao tipo de ação que pretende ajuizar;
2.      Entregar todos os documentos na Secretaria da ASSPRA (ou enviar para o e-mail: assprapmrn@gmail.com, com o título: AÇÃO DE (especificar o tipo: NÍVEISDESAGREGAÇÃO ou PROMOÇÃO EX-OFFICIO);
3.      Receber da Secretaria o ENCAMINHAMENTO autorizando o sócio a fazer uso do jurídico. O encaminhamento pode ser solicitado pessoalmente na Sede da ASSPRA, ou pelos telefones e e-mail da associação;
4.      Informar-se sobre possíveis valores a custear (honorários advocatícios, custas processuais, xerox, deslocamento e alimentação dos advogados etc);
5.      Assinar a PROCURAÇÃO e o CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ADVOCATÍCIOS.


APENAS a partir daí, se dará início a Assistência Jurídica ao associado.


RELAÇÃO DE DOCUMENTOS POR TIPO DE AÇÃO

Quatro criminosos morrem em troca de tiros com policiais em São Paulo

Mortes aconteceram após assalto em Mairiporã e no Morumbi (SP).
Quatro criminosos foram mortos por policiais militares entre a noite de terça-feira (9) e a madrugada de quarta-feira (10) na Grande São Paulo, segundo informações do Bom Dia São Paulo.

Dois deles trocaram tiros com a polícia na Avenida Giovanni Gronchi, no Morumbi, Zona Sul de São Paulo. Eles assaltavam pessoas em um ponto de ônibus e foram flagrados pelos policiais, que passavam pelo local. Os bandidos atiraram, e os policiais revidaram. Os dois morreram na hora.
Na Rodovia Fernão Dias, houve outra troca de tiros entre polícia e bandidos. Os três ladrões tinham roubado um carro em Mairiporã, na Grande São Paulo.

A vítima avisou a polícia, que cercou o carro na rodovia. Os bandidos perderam o controle e bateram no muro. Teve troca de tiros e dois morreram. Um terceiro suspeito que estava no carro conseguiu fugir.


Fonte: G1SP


Jovem é morto após quebrar retrovisor de carro em acidente

Confusão entre motoristas ocorreu após colisão em Viradouro (SP).
Passageiro do carro atingido teria esfaqueado a vítima, diz testemunha.
Anderson de Oliveira Santos morreu durante briga de trânsito em Viradouro, SP (Foto: Reprodução/EPTV)
Foi enterrado na terça-feira (9) em Pitangueiras (SP) o corpo do motorista de 23 anos, morto com uma facada no fim de semana durante uma briga de trânsito em Viradouro (SP).
Segundo a Polícia Civil, o motivo do crime foi um acidente na estrada vicinal Adão Teixeira, em Viradouro, na noite de domingo (7). Anderson de Oliveira Santos voltava de uma festa de carnaval em Terra Roxa (SP) quando esbarrou o veículo em que estava no retrovisor de um carro que ele tentava ultrapassar na estrada vicinal Adão Teixeira.

A polícia tenta identificar os suspeitos.

O crime
De acordo com o amigo da vítima que estava no carro e prefere não se identificar, o crime aconteceu quando os dois seguiam de volta a Pitangueiras após participarem de uma festa de carnaval em Terra Roxa.

A testemunha conta que Santos resolveu ultrapassar o veículo que estava à frente deles, mas que houve um acidente. “O Anderson foi tentar ultrapassar o carro, mas antes de ultrapassar totalmente ele esbarrou no carro e quebrou o retrovisor do carro. A gente ficou com medo de parar. A gente deu fuga na frente deles e eles foram atrás de nós”, afirma.

Segundo a testemunha, o carro em que os dois estavam foi perseguido até o trevo de Viradouro, quando foi fechado pelo motorista do automóvel danificado. Dois homens teriam descido do veículo e xingado os dois jovens. “Eu saí do carro e falei para eles ‘calma, vamos chamar a polícia, vamos resolver de boa. Se quebrou alguma coisa, a gente vê o que quebrou, se tiver que pagar nós pagamos’, diz.

A testemunha conta que o passageiro do veículo estava muito exaltado e que chegou a quebrar o retrovisor do carro de Santos. “Ele disse que estávamos quites e virou as costas”, afirma.
Santos teria ficado nervoso e os dois começaram a brigar. Foi neste momento, segundo a testemunha, que Santos foi esfaqueado. “Eles montaram no carro, eu fui até o Anderson e perguntei se ele estava bem. Ele olhou para mim com uma cara de dor e eu falei o que aconteceu. Ele caiu, eu o segurei e vi o sangue na barriga dele.”

De acordo com o amigo da vítima, os dois homens ainda levaram com eles a chave do carro de Santos. “Eu deixei ele sentado e fui procurar socorro. Demorou uns 20 minutos para a polícia e a ambulância chegarem. Eu tive que buscar socorro por telefone e o sinal era ruim.”
No veículo dos suspeitos havia ainda uma mulher e uma criança.
A Polícia Civil ainda não identificou os suspeitos.


Fonte: EPTV

Relatório parcial da Secretaria de Segurança registra 42 mortes no Ceará neste carnaval

A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (SSPDS) divulgou na terça-feira (9) um relatório parcial das principais ocorrências atendidas pela secretaria e vinculadas no estado durante o período momino. Segundo o levantamento, entre o sábado e segunda-feira, foram registradas 42 mortes no Estado, sendo dez em Fortaleza. Maranguape aparece em segundo com cinco mortes. Três delas ocorreram em um atropelamento no último sábado, por volta das 23h56, na Rua Miguel Fernandes.
O condutor que foi preso. trata-se de Aurídio Santiago da Silva, que dirigia um veículo da marca Gol, de placas MYA 2598. Ele atropelou cinco pessoas sendo que três morreram. No sábado ainda ocorreram mortes a bala nos bairros do Bom Jardim, Vila Peri e Conjunto Ceará, em Fortaleza. Em Maranguape José W, foi morto a faca na Rua Rosa Mística, e o suspeito não foi identificado.

Já nas dunas da Prainha, em Aquiraz, o menino Philipi G.M morreu após o buggy que ele estava tombou. Em Coreaú, houve outro homicídio a faca, tendo como vítima Thiago Vieira Silva, de 26 anos. Em Camocim, Enilton Araújo Pinho foi morto também por arma de fogo. Já Antônio José Vieira Lima, de 41 anos, foi morto a bala em Baturité. No dia 6, foram registrados ainda crimes em Pentecoste (faca) e Solonópole (bala).

No domingo, dia 7, novo crime ocorreu no bairro Bom Jardim. Um homem identificado como Felipe A.C foi morto por dois homens em uma moto. Na Maraponga, outra morte a bala, tendo como vítima Rafael S.L.

No Bom Sucesso, uma mulher foi atropelada por Francisco José Moreira dos Santos, 36 anos. Que dirigia uma moto CG 150. O condutor foi conduzido à delegacia judiciária competente.

O relatório indica, ainda, mortes em Jaçanaú (Maracanaú), Cascavel, Timbozinho (Maracanaú),  Jurema (Caucaia) e Parque Jari (Maracanaú).

Em Maranguape, foi registrado um assassinato seguido de suicídio na Rua Jorge Bilia, Novo Maranguape. Francisco W.S assassinou Camila P.B e depois cometeu o suicídio. Em Aquiraz uma lesão a bala vitimou Valdeniro B e lesionou um homem e dois menores de idade. Outras mortes ocorreram na Praia do Presídio (Aquiraz), Pecém (São Gonçalo do Amarante), Uruburetama, Trairi, Jaguaruana, Juazeiro do Norte (2), Assaré e Ibicuitinga.

No dia 8, segunda-feira, foram registradas 11 mortes: Serrinha, Barra do Ceará, Bom Jardim e Quintino Cunha (em Fortaleza), Crato e Milhã. O balanço final, segundo a SSPDS será divulgado somente na quinta-feira, em entrevista coletiva.


Fonte: cearaagora

Feriadão de carnaval termina com pelo menos 11 assassinatos na PB

Foram registrados crimes em João Pessoa, Campina Grande, Pilar, Lagoa de Dentro, Aroeiras, Camalaú, Cajazeiras e Conceição

Corpo de mototaxista foi encontrado em matagal


O feriadão de carnaval terminou com um total de pelo menos 11 assassinatos na Paraíba. Os crimes aconteceram nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Pilar,  Lagoa de Dentro, Aroeiras, Camalaú, Cajazeiras e Conceição.

Na terça-feira (9), um homem foi encontrado morto com a cabeça com marcas de pedradas no município de Conceição, Sertão do estado. Segundo a polícia, a vítima era funcionária da Câmara Municipal e não tinha envolvimento com o crime. A autoria e motivações do crime permanecem desconhecidas.

Ainda nesta terça, um homem foi encontrado morto em um matagal na zona rural de Lagoa de Dentro, Agreste paraibano. Segundo a polícia, a vítima trabalhava como mototaxista e um homem que teria contratado uma corrida como ele é suspeito do crime. O trabalhador foi morto com um tiro e teve a moto roubada. O suspeito não foi preso.

Na noite dessa segunda (8), um homem de 45 anos foi morto a tiros no bairro Dinamérica, em Campina Grande. Ele foi atingido na região da cabeça, ombro e tórax. O crime aconteceu em terreno próximo a um ginásio de esportes e nenhum morador da localidade soube informar detalhes do crime à polícia. Também não há informações sobre suspeitos.

Dois idosos foram assassinados no domingo (7). No primeiro caso, um homem de 65 anos foi morto por golpes de facão. O crime aconteceu no bairro Varjão, Zona Oeste de João Pessoa. A vítima foi atingida na região da cabeça e chegou a ser socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, mas não resistiu aos ferimentos. Dois homens foram presos suspeitos do crime. O motivo do homicídio não foi divulgado.

Já em Cajazeiras, uma idosa morreu após ser atingida por uma bala perdida. Ela estava dentro de casa e o disparo partiu da arma de um criminoso que estava fugindo da polícia. A mulher foi socorrida para um hospital da cidade, mas morreu antes de dar entrada na unidade de saúde. Dois dos três suspeitos que eram perseguidos pela polícia no momento do crime foram presos.

Ainda durante o fim de semana, uma mulher morreu horas após ser esfaqueada no abdômen, na cidade de Pilar. Segundo a polícia, o ex-marido dela é suspeito do crime. Ela foi ferida no sábado (6) e morreu em um hospital na manhã do domingo (7). No intervalo desses dois dias também foram registrados crimes em João Pessoa, Campina Grande, Aroeiras e Camalaú.


Fonte: portalcorreio

Suspeito de atirar em paraibano é preso em Caicó

A Polícia Militar prendeu na tarde desta terça-feira (9) um homem identificado como Flávio Miliano da Silva, 23 anos, suspeito de uma tentativa de homicídio na manhã de ontem (8) em uma festa particular na cidade de Caicó.
De acordo com a PM, Flávio Miliano é um velho conhecido por envolvimento com o tráfico de drogas na cidade, e durante patrulhamento os militares se depararam com ele e ao abordá-lo encontraram um revólver calibre 38 que foi utilizada durante uma tentativa de homicídio contra um paraibano.

Diante do flagrante, Flávio foi conduzido em flagrante à Polícia Civil e ficará à disposição da Justiça.


Fonte: 190rn

Casa de suspeito de raptar e abusar de criança é incendiada no RS

Homem foi preso na terça-feira e depois foi transferido para o presídio.

Bombeiros foram acionado durante a madrugada para conter as chamas.

Bombeiros tentam conter as chamas (Foto: Cleuton Lanes/Corpo de Bombeiros)

A casa do homem suspeito de raptar e abusar sexualmente de uma criança de cinco anos foi incendiada na madrugada desta quarta-feira (10) em Capão da Canoa, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. O Corpo de Bombeiros foi acionado para combater as chamas. A polícia acredita que o fogo tenha sido provocado por vizinhos como forma de vingança pelo abuso contra a criança.

Durante a madrugada, em frente à Delegacia de Polícia para onde o suspeito foi levado depois da prisão na terça-feira (9), dezenas de pessoas se aglomeraram em uma espécie de vigília. Por volta da 1h da madrugada ele foi transferido para o presídio de Osório e teve que sair pela porta dos fundos.

O homem de 41 anos suspeito de levar de bicicleta a menina de cinco anos que brincava em uma rua de Capão da Canoa foi preso no dia seguinte ao rapto, ocorrido na tarde de segunda-feira (8).
Ele foi preso em casa, onde ocorreu o estupro, segundo aponta a investigação. No local, foi encontrado um celular com um vídeo de um homem mantendo relações sexuais com uma menina. A polícia acredita que seja a criança de cinco anos com o suspeito preso.

O aparelho também continha inúmeras imagens de crianças nuas, conforme a delegada Sabrina Deffente, responsável pela investigação. O aparelho vai agora passar por uma análise da perícia. "A partir disso não restou dúvidas nenhuma que era ele", observa Sabrina.

A menina também reconheceu o local do crime. No relato para os policiais, ela disse que a casa era barulhenta devido a dois cachorros. Relatou ainda que o quarto, onde ocorreu o estupro, era verde. "As duas informações fecharam", disse a delegada. Na casa também foram localizadas petecas de cocaína.
Em depoimento na delegacia, o homem não confessou o crime. "Ele disse que é doente, que não sabe de nada."
Imagem mostra momento em que criança foi levada pelo suspeito do rapto (Foto: Brigada Militar/Reprodução)
O suspeito tem histórico de estupros de crianças. Segundo a delegada, também será incluso no inquérito o depoimento de uma sobrinha da ex-mulher do homem, que foi abusada por ele quando tinha 11 anos.

A polícia chegou até o homem por uma pessoa que viu as imagens dele andando de bicicleta com a menina.

Menina vai realizar exames em Porto Alegre
A menina de 5 anos vai passar agora por uma bateria de exames em Porto Alegre. Conforme a delegada Sabrina Deffente, a menina apresenta "lesão corporal visível", com marcas de socos no rosto e ainda tinha indícios de abuso sexual.

Ainda na madrugada de terça-feira (9), a criança foi levada para o Departamento Médico Legal (DML) de Osório para realização do exame de corpo de delito.

Já nesta quarta-feira (9), ela deve viajar para Porto Alegre, onde irá fazer uma série de exames no Centro de Referência no Atendimento Infanto-Juvenil (CRAI), do Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas, onde será atendida por uma equipe multidisciplinar, entre eles psicólogos, enfermeiros e médicos.

A menina será acompanhada de um integrante do Conselho Tutelar de Capão da Canoa, adianta a delegada.

Sabrina espera obter nos próximos dias o resultado preliminar do laudo da perícia para poder formalizar na Justiça o pedido de prisão de um homem, considerado suspeito, e que aparece em uma gravação em uma bicicleta acompanhado da menina. "Já temos 90% de convicção que é ele."

A delegada também observa que ele tem antecedentes criminais por estupro de vulnerável.
A bicicleta do homem também havia sido achado na manhã de terça-feira, perto de um campo de futebol, no bairro Santa Luzia.


Fonte: G1