PM registra cinco assassinatos em apenas três horas na Grande Natal

Vítimas foram mortas entre 20h e 23h desta quarta-feira (27). Em um dos casos, em Parnamirim, homem foi morto na frente da família.


O primeiro homicídio aconteceu no bairro de Rosa dos Ventos, em Parnamirim (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
O primeiro homicídio aconteceu no bairro de Rosa dos Ventos, em Parnamirim (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi).

Em um intervalo de apenas três horas, cinco pessoas foram assassinadas na noite desta quarta-feira (26) na Grande Natal. Segundo a Polícia Militar, os crimes aconteceram entre 20h e 23h em bairros das zonas Oeste, Norte e Leste da capital potiguar, além de um caso registrado na cidade de Parnamirim. Ninguém foi preso.

O primeiro homicídio aconteceu no bairro de Rosa dos Ventos, em Parnamirim. A vítima foi identificada como Severino Barbosa da Silva, de 33 anos. De acordo com a PM, ele saía de uma lanchonete na rua Sebastiana Cristina, junto com a mulher e os filhos, quando dois homens de moto chegaram e efetuaram os disparos. A mulher de Severino informou a polícia que o marido havia sido preso há oito anos por receptação.

O segundo homicídio aconteceu no bairro  Bom Pastor, na Zona Oeste de Natal. A vítima foi identificada como Willian Pereira da Silva, de 17 anos. "O adolescente estava com um amigo quando dois homens se aproximaram e começaram a atirar. O Willian morreu na hora. O amigo também foi baleado, mas conseguiu correr. O Samu foi chamado ao local e levou o rapaz ferido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho", explicou o soldado da PM Roberto Trindade. A família de Willian informou que o jovem tinha envolvimento com assaltos e era usuário de drogas.

O terceiro crime aconteceu no bairro de Igapó, na Zona Norte da capital. A vítima foi um rapaz identificado apenas como Cristiano, morto a facadas na rua Santo Agostinho. O local é conhecido na região por ser um ponto de venda de drogas.

O quarto assassinato foi registrado no loteamento José Sarney, também na Zona Norte de Natal. A vítima é um homem identificado como Cláudio George da Costa Jacinto, de 30 anos. A Polícia Militar informou que dois homens em uma moto o encontraram na rua Dom Pedro I e o executaram a tiros.

O último homicídio da noite ocorreu na Avenida 23 de Dezembro, que fica na praia do Meio, na Zona Leste da capital. Segundo o sargento da PM Neilson Barros, a vítima foi identificada por moradores da região apenas como Robinho. "Ele trabalhava como flanelinha. Tinha envolvimento com drogas e foi atingido por dois tiros no tórax", disse.

As investigações foram iniciadas pela Delegacia Especializadas de Homicídios de Natal. Ninguém foi preso até o momento.

G1 RN

Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.