PM perde cerca de 300 policiais por ano e não há reposição de efetivo

Comandante geral da Polícia Militar, coronel Ângelo Mário, concedeu entrevista e fala sobre as dificuldades da instituição.



O comandante geral da Polícia Militar do RN, coronel Ângelo Mário de Azevedo Dantas, concedeu entrevista ao Portal BO e à TV Mix Brasil, na qual afirmou que o maior calo da instituição é a falta de efetivo. De acordo com ele, cerca de 300 policiais deixam a PM por ano, seja por aposentadoria, desistência da carreira ou mortes.

Por outro lado, não há reposição de efetivo. Com isso, enquanto a criminalidade cresce, a Polícia Militar do Rio Grande do Norte encolhe. Ainda na entrevista, o coronel Ângelo Mário afirma que a dívida atual da instituição, para manutenção da máquina, gira em torno de R$ 30 milhões.

Entrevista:


Fonte: PortalBO

Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.