Preso com 204 comprimidos de ecstasy tem recurso negado no TJRN

Hugo de Medeiros Vianna foi preso por tráfico em junho de 2014.
Defesa alegou vício do réu para descaracterizar tráfico de drogas.


A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do RN negou o pedido de apelação movido pela defesa de Hugo de Medeiros Vianna, preso por tráfico de drogas em junho de 2014 no bairro do Tirol, Zona Leste de Natal. Hugo foi flagrado com 204 comprimidos de ecstasy, cartões de banco em nome de terceiros e dois trituradores de maconha.

A defesa do réu alegou que o acusado é viciado em elevado grau e não foi encontrado em atividade de traficância, não existindo provas suficientes da autoria do crime de tráfico de drogas.
Com a negativa do tribunal, mantém-se a sentença definida em primeira instância a cinco anos e dez meses de reclusão, em regime inicialmente semiaberto, além do pagamento de 584 dias-multa.

Fonte: intertv
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.