Com rastreador, homem ajuda polícia a libertar vítima de sequestro em Natal

Mulher foi sequestrada no início da tarde desta segunda-feira (23).
Marido usou rastreador do celular para localizar a mulher e acionou a polícia.


Dois suspeitos de um sequestro relâmpago foram presos em flagrante no início da tarde desta segunda-feira (23) em uma agência bancária localizada na Avenida Ayrton Senna, na Zona Sul de Natal. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do RN (Sesed), o marido da vítima usou o rastreador do celular da mulher para ajudar a polícia a localizar os criminosos.

Segundo o tenente Wivel de Castro, do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE), o rastreador foi de fundamental importância para localizar a vítima. "Junto do registro do sequestro, o marido também informou que o rastreador do GPS da mulher estava ativado e que ele sabia a exata localização dela. O caso só foi solucionado neste curto espaço de tempo por causa deste recurso", afirmou o tenente.

Homens do CPRE e do 5º Batalhão de Polícia Militar, com apoio do helicóptero Potiguar 01, da Sesed, foram acionados e seguiram até a local indicado pelo GPS, uma agência bancária na Avenida Ayrton Senna.

"Quando chegamos, identificamos rapidamente o carro da vítima. Ela estava lá dentro como refém com um dos suspeitos. Fizemos a abordagem e retiramos a vítima sem nenhuma tentativa de reação do suspeito", explicou Castro. O outro suspeito, que estava dentro do banco, foi preso ao sair da agência.

De acordo com a Sesed, os dois homens apreendidos tem 20 e 18 anos e já eram investigados como suspeitos de outros sequestros relâmpago e assaltos na região. Nenhum dos dois, no entanto, tinha passagem pela polícia.

Os suspeitos foram encaminhados a Delegacia Especial de Furtos e Roubos (Defur), aonde serão autuados. Ainda de acordo com a Sesed, o caso está sendo tratado como um sequestro relâmpago pela rápida resolução, porém, apenas com a conclusão das investigações é que serão apontados os reais motivos do sequestro.


Fonte: intertv
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.