Criminoso é morto após tentar assaltar uma policial civil

Homem estava em carro e foi surpreendido por colegas da policial, que estavam em confraternização

Criminoso é morto após tentar assaltar policial civil na Capital Luis Felipe Matos/Especial/Agência RBS

Uma policial civil, que estava confraternizando com colegas em uma festa, sofreu uma tentativa de assalto quando saiu para buscar o celular no carro. Dois homens armados abordaram a vítima às 21h15min desta quinta-feira na Rua Professor Carmen de Souza Santos, no bairro Rio Branco no RS. Um terceiro suspeito aguardava na EcoSport, utilizada pelo trio, e foi morto dentro do veículo pelos colegas da vítima.

Conforme o delegado Márcio Zachello, a dupla que desembarcou para realizar o assalto fugiu a pé, um deles possivelmente baleado durante troca de tiros.

— Enquanto a policial caminhava até o carro, os seus colegas ficaram observando, por medida de segurança. Quando viram o assalto, desceram correndo para socorre-la — disse o delegado, informando que o homem morto tem passagem pela polícia.

Os disparos levaram pânico aos frequentadores de um pub localizado a poucos metros do tiroteio.

— Ouvi mais de 10 tiros. Todo mundo que estava no bar se jogou no chão. Algumas pessoas passaram mal. Outras ficaram em pânico — contou Carlos Junior Riedi,
23 anos, que estava no local.

Morador do bairro, o autônomo Hugo Meneghetti, 50, estava em casa e ouviu os estampidos.

— Fiquei apavorado quando ouvi 15 tiros. Saí para a rua e vi uma correria. Eram os policiais pedindo que todo mundo se afastasse.


Fonte: zerohora
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.