Grávidas são flagradas com celulares nas partes íntimas em presídio de João Pessoa

Duas gestantes foram presas em flagrante portando dois celulares dentro das partes íntimas na Penitenciária de Segurança Máxima Dr. Romeu Gonçalves de Abrantes, o PB1, em João Pessoa, nesse domingo (3). Os aparelhos seriam para os esposos.
Aparelho seria para o esposo dela

Segundo Leandro Batista, diretor do presídio, Mirian Denâncio dos Santos, 39 anos, que está grávida de um mês, estava na unidade para visitar o marido, preso por homicídio. Durante a revista, as agentes encontraram o celular no ânus dela.

Pouco tempo depois, Sueli da Silva Santos, 38 anos, grávida de 3 meses, foi flagrada pelas agentes penitenciárias com o celular na vagina. O aparelho seria para o esposo dela identificado como Romilson Pereira da Silva. Ele cumpre pena por tráfico de drogas.

As mulheres foram levadas para a Central de Flagrantes da Polícia Civil no bairro do Geisel, na Capital, onde assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foram liberadas. Elas ficarão proibidas de entrarem no presídio por tempo indeterminado.


Fonte: portalcorreio
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário! Ao ser aprovado será publicado.